Eletrotécnica e Eletromecânica abrem portas para o empreendedorismo | Cursos SENAI RIO

Blog

Que a tecnologia 4.0 traz avanços para a indústria todo mundo sabe, mas o que nem todos têm conhecimento é de que esse progresso abre espaço para o empreendedorismo. Essa possibilidade foi discutida na live da Firjan SENAI “A importância da eletrotécnica e da eletromecânica no processo de implantação de aspectos ligados à indústria 4.0”.

Com o intuito de apresentar oportunidades, Sérgio Matos, especialista Técnico de Educação Profissional da Firjan SENAI, expôs as tecnologias que dão subsídios para a implementação da indústria 4.0, como a manufatura aditiva, que está ligada a impressão 3D, e a robótica, atividades que hoje dependem de um novo profissional.

A necessidade de capacitação vai ao encontro do que se ensina nos cursos técnicos da Firjan SENAI. Por exemplo, “para que o robô funcione é preciso fazer o desenvolvimento da garra, que é produzida de acordo com a necessidade do cliente. Esse trabalho é desenvolvido pelo eletromecânico, que faz a modelagem e a usinagem da garra na ponta de manipulação do robô”, ensinou o especialista.

Segundo Matos, esse tipo de trabalho pode ser realizado nas instalações da Firjan SENAI, que possui laboratórios com equipamentos de última geração, propiciando vivência e facilitando o futuro dos que querem trabalhar com modelagem e protótipos. “O FabLab (laboratório de fabricação digital) é uma ferramenta importantíssima para dar forma à ideia. Estamos bem desenvolvidos com os laboratórios de prototipagem, cada vez mais evoluídos. E esse conhecimento propicia o empreendedorismo como uma fonte de renda”, reforçou ele.

Marlon da Silva Felipe, engenheiro eletricista supervisor de manutenção da Ambev, lembrou que a manufatura aditiva, através da tecnologia que está sendo colocada à disposição, criou um movimento maker global, o que significa descentralizar avanços. “Assim, a grande massa tem acesso a esses recursos, fazendo despontar ideias, dando espaço para startups e até mesmo indivíduos. Acredito que o movimento maker venha a crescer exponencialmente no decorrer dos anos”, destacou.

Camilo Rosero, instrutor da Firjan SENAI Caxias, tratou da realidade aumentada aplicada em sistema eletromecânico. Essa tecnologia faz referência à integração entre elementos de sistemas digitais e do mundo real. Segundo o especialista, a virtualização desse sistema pode ser implementada dentro de uma subestação de energia elétrica, a qual se encarrega de aumentar ou reduzir o nível de tensão. “Dentro do mesmo raciocínio, a Firjan SENAI conta com simuladores relacionados a manobras ou uso adequado de equipamentos de segurança no interior de uma subestação”, explicou.

 A partir de 3 de fevereiro de 2021, a Firjan SENAI aprofunda todas essas e outras tecnologias nos Cursos Técnicos de Eletrotécnica e de Eletromecânica, com educação a distância (EaD). No primeiro semestre de 2021, as aulas serão teóricas e totalmente à distância. Já no segundo semestre de 2021, teremos também aulas práticas, em momentos presenciais aos sábados, nos nossos laboratórios ou oficinas, caso haja possibilidade, ou através de simuladores nas plataformas de aprendizagem. 

Capacitação profissional

Saiba mais sobre os cursos cursos técnicos EAD da Firjan SENAI com matrículas abertas.

Assista à live completa:


Imagem: reprodução da tela do Youtube da Firjan SENAI com os participantes da live.