Blog


Estudantes da Firjan SENAI São Gonçalo são vencedoras do Desafio Internacional de Aplicativos Espaciais da NASA (Space Apps) 2023. Integrantes do programa Jovem Aprendiz, desenvolvido em parceria com a B. Braun Brasil, as cinco estudantes representaram o Brasil no hackathon (desafio de programação), que envolveu cerca de 60 mil participantes, de 152 países e territórios. Elas ficaram entre as 10 equipes vencedoras da competição e receberam o Prêmio de Projeto Mais Inspirador. Além de título e medalha, as alunas terão a oportunidade de conhecer a sede da NASA nos Estados Unidos.

“Foi uma experiência fora da nossa zona de conforto, mas nos trouxe um sentimento de que é possível quebrar barreiras, explorar novas áreas de conhecimento, novas ciências”, destacou a aluna, Larissa Vargas, de 18 anos, do curso de aprendizagem de Assistente Administrativo, em conjunto com as demais integrantes do grupo: Sara Soares, Samara Santos, Jennifer Marques e Kezia Alexandre. Para elas, a participação na competição foi um grande desafio, visto que não atuam na área de tecnologia e precisaram criar um jogo durante os dois dias de competição.

O projeto apresentado pelas jovens propõe a criação de um aplicativo, que funciona como ferramenta educacional para orientar crianças e adolescentes sobre a mecânica dos eclipses. De forma interativa, as estudantes desenvolveram o jogo “Eclipse: Celestial Shadows”, que explica como ocorrem os eclipses e por que somente algumas pessoas da terra podem vê-los em um determinado momento. “Nenhuma de nós tinha conhecimento em desenvolvimento de jogos, no entanto, cada uma se encontrou em uma tarefa. A escolha do time foi essencial para chegar nesse prêmio, cada uma se esforçou a ponto de entregar o melhor”, ressalta Larissa, enfatizando o propósito maior do projeto: “democratizar o acesso à educação”. ​

Jovens Aprendizes entre especialistas de diversos países

As cinco alunas ingressaram no curso de aprendizagem da Firjan SENAI São Gonçalo no segundo semestre de 2023 e fazem parte do programa Jovem Aprendiz da B. Braun Brasil. Como parte da orientação pedagógica da instituição de ensino, o conteúdo programático do curso conta com o desenvolvimento de atividades extracurriculares que são complementares à formação de Assistente Administrativo. A criação de projetos e a participação em competições diversas, fazem parte do programa.

E com esse foco, as alunas foram apresentadas ao Space Apps, criado em 2012, que já envolveu mais de 280.000 inscritos, de mais de 185 países/territórios. “Celebro a conquista deste grupo de meninas aprendizes em nossa organização e destaco o quão importante é não nos limitarmos ao mero cumprimento de uma cota legal de aprendizes em nossa empresa. Nós estamos indo além, com educação de qualidade e apoio”, enfatiza Cecília Melo, especialista em Responsabilidade Social da B. Braun Brasil.

Para o instrutor da Firjan SENAI, Alan Pacheco, essa foi uma grande oportunidade para as alunas que terão a chance de vivenciar uma experiência internacional. “É um grande feito! Essas competições são essenciais para os nossos estudantes, pois proporcionam experiências valiosas de aprendizado prático, estimulam a criatividade, promovem o trabalho em equipe e permitem aplicar habilidades teóricas em projetos reais”, destacou. ​

Competição busca projetos com soluções para problemas no mundo real

O Space Apps reúne programadores, cientistas, designers, contadores de histórias, criadores, construtores, tecnólogos e inovadores. Participantes de diferentes nacionalidades, experiências e objetivos, são incentivados a desenvolver projetos com soluções inovadoras para resolver problemas do mundo real na Terra e no espaço. O hackathon que envolve a Administração Nacional de Aeronáutica e Espaço (NASA) preza por atitudes colaborativas, criatividade e desenvolvimento do pensamento crítico. O objetivo é incentivar o crescimento e a diversidade da próxima geração de cientistas, tecnólogos, designers, contadores de histórias e engenheiros.